18 agosto 2012

Livros: Emprestar ou não emprestar? Eis a questão!

Parafraseando a conhecida frase de Hamlet trago o post de hoje pra falar sobre essa grande dúvida que recai sobre mim quando alguém pede um livro emprestado. Por um lado eu fico toda animada por saber que alguém está interessado em ler alguma coisa. Grande parte dos meus amigos não gosta de livros e na maioria das vezes só chega a ler algum por pura insistência da minha parte. Por outro lado sou uma pessoa bastante apegada ao meus livros e morro de medo de emprestar e o dito cujo danificar o meu livro de alguma forma.

Já emprestei livros várias vezes e me arrependi de alguma delas. Parece que toda vez que empresto algo acontece e isso devia ser o suficiente para me fazer desistir de emprestar, mas ainda me resta esperança. Teve uma vez que emprestei o livro para uma amiga e ela derramou SUCO DE UVA nele, molhou várias páginas e ela ainda veio me devolver na maior cara de pau. Fiquei com raiva? Com certeza, mas deixei passar. O livro era com a capa azul e ficou com as páginas roxas em um canto, não gostei. Teve uma outra ocasião em que eu emprestei o livro e a criatura amaçou a capa dele, mas ela foi... compreensiva e comprou outro livro novinho pra mim, sem que eu pedisse. Até porque por mais que eu fique com raiva, acho que não pediria isso, mas fiquei feliz por ela ter comprado outro, confesso. Tirando esses casos ainda tem aqueles que você empresta o livro e a pessoa acha que você deu presente porque simplesmente "esquece" de devolver.

Sempre que empresto livro é para amigos, pessoas que conheço e com quem converso. Entrego o livro e dou uma porção de conselhos e avisos, do tipo não dobrar páginas ou usar a aba da capa como marcador, não escrever no livro, não comer ou beber enquanto estiver lendo em hipótese alguma e por aí vai. Uma completa chatice, eu sei, mas é necessário. Ultimamente tenho emprestado, mas fico em cima perguntando se a pessoa está lendo, se ela está gostando só pra ter certeza que meu livro está bem. Quem é apegado aos livros com eu vai entender os outros vão achar que sou louca.

Deixando de lado todas as precauções que devem ser tomadas ao emprestar um livro vocês não tem noção da felicidade que eu fico quando alguém pede. Não sou muito de ficar falando sobre livros com todos os meus amigos, mas quando eles perguntam ou me dão a oportunidade de falar eu aproveito. E apesar de saber que eles não estão lá muito interessados em ficar ouvindo o meu falatório sobre o que eu penso da escrita de tal autora ou sobre aquele personagem, por vezes eles demostram interessem em ler algum livro que comento e me pedem emprestado e fico feliz por isso. É difícil pra mim entender porque todo mundo não é viciado em livros como eu, pessoas em geral só servem pra gostar de música ruim.

Enfim, emprestar os livros eu empresto, mas sou chata e tem que ter paciência até eu explicar tudo o que não pode fazer com o meu livro. E pra aqueles que um dia estragaram meus livros ou nunca mais devolveram vai ser difícil em tirá-los da minha lista negra. E vocês? Emprestam ou não os livros?

17 comentários:

  1. Oi amiga, achei o tema do seu post muuuito interessante! Mas eu não empresto meus livros DE JEITO NENHUM! Sou muito apegada e ninguém vai cuidar deles como eu. Além disso, já emprestei e me arrependi!
    Parabéns pelo texto!
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Fazer o que né?!
    Eu não costumo emprestar, mas minha tia se vê no direito de pegar da minha estante! Não posso tirar das mãos dela e falar que não empresto, mas eu sempre dou ênfase naquele mais baratinho, mais velhinho, que eu não gosto tanto e tals pra ela levar ele, ao invés "o da capa bonita que me custou os olhos da cara e que eu sei que ela vai usar a orelha como marcador e vai estragar a capa". KKKKKKKKKKKK Mas, normalmente eu empresto pros meus amigos que eu sei que vão cuidar, que vão ler e que vão me devolver do jeito que pegaram. rsrs' Adoro incentivar a leitura. Principalmente para aqueles que não tem o hábito.

    Adorei o post! E o blog *0* Tá lindão!
    Beijãããão!

    Felipe,
    Enquanto isso, na estante...

    ResponderExcluir
  3. Minha nossa, eu aaamei esse post. Primeiro pq me indentifiquei mt com o dilema, gosto de emprestar, mas morro de medo de como meus livros irão voltar, e só em imaginá-los com a capa amassada, manchados ou qualquer outro tipo de falta de cuidado, já me bate um desespero. Segundo pq quem mais dá recomendações sou eu kkk, mas diferente de você, dou o aviso "se perder, ou machucar, destruir, quaalquer coisa do tipo, me dá outro viu?" kkkk, no começo não dizia, mas pelo amor de Deus, dói mt ver os meus bebês naquele estado e é um saco pois não entendo como as pessoas conseguem não ter cuidado com eles, como eu tenho e adoro ter *-*. E definitivamente, marcadores servem para marcar as páginas, e não a aba da capa, kkkkk. Bom, adorei mesmo, rs e vale ressaltar que já consegui o absurdo de destruir o livro de uma amiga e, CLARO, comprei um novinho e tô com o outro aqui para me lembrar todos os dias de prestar atenção da próxima vez kkkk.
    Beeijos :**
    Visita láá?

    ResponderExcluir
  4. Eu sou bem parecida com você!
    Já me arrependi de emprestar os meus pra minha prima uma vez, o livro ainda não estava encapado e ela levou e passaram uns dois meses com enquanto eu li por três dias no Maximo. Acho que de tanto eu ligar e insistir ela me trouxe, mas com várias diferenças nele! A capa tava toda com marca de letra e algumas partes tava rasgada! Eu quase cheguei a chorar por que eu não consigo entender como ela pode fazer isso com ele. Ainda veio me falar que não tinha levado mais cedo por ele tava perdido no meio das coisas dela ¬¬'
    Acho que depois dessa experiência eu não sou tão legal quando empresto meus livros pra alguém. Mais quando empresto faço uma lista de recomendações pra que depois eu não me arrependa de emprestar mais.

    ResponderExcluir
  5. Amei seu post xD
    Eu tenho pavor de emprestar meu livros,só empresto pra minha melhor amiga que é louca por ler que nem eu,e até pra ela eu listo o que não fazer com meus livros.
    Já emprestei uma vez um livro pro meu primo,novinho,eu nem tinha lido ainda,e ele amassou a parte de baixo da capa (odeio quando estragam a capa),mas antes mesmo de eu reclamar,ele se ofereceu pra me dar TRÊS livos,e opa,claro que aceitei!
    Mas então,é isso,só empresto se eu confiar na pessoa e se ela me garantir que vai cuidar dos meus bebês :D

    Beijooss,
    Jennifer

    ResponderExcluir
  6. Eu empresto para pessoas que eu sei que vão cuidar e que vão devolver. Meus amigos que leem eu não vejo problema nenhum, e pessoas que poderiam estragar, não me pedem livros emprestados. Muita pouca gente me pede na verdade... Acho que emprestar livros é uma maneira de espalhar a história e fazer mais pessoas conhecerem, isso é ótimo, principalmente se é um livro que você gostou bastante. É chato quando estragam o livro ou quando o livro não volta, acho que é preciso ter confiança na hora de emprestar, se eu confio na pessoa, não vejo problema algum

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post. Essa é uma questão muito difícil, eu não costumo emprestar pra muita gente. Empresto pras minhas amigas porque sei que elas cuidam tão bem quanto eu (ou até melhor rs). As outras pessoas não me pedem muito, minha mãe que fala que não chega nem perto dos meus livros pra não correr o risco de estragar rs. Mas é difícil quando uma pessoa te pede o livro pra vc não emprestar, tipo, eu não tenho coragem de falar que não empresto, sei lá rs.

    beijos,
    @adri_brust
    http://stolenights.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. adorei seu blog,belo post
    sucesso!


    você já conhece o meu blog?

    www.diariogarotaloucalouca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu vivo emprestando livros, mas tenho uns três que estão emprestados a mais de um ano
    Bjos
    http://jayfereguetti.blogspot.com
    @jayfereguetti

    ResponderExcluir
  10. Emprestar livro é uma das decisões mais difíceis da minha vida. Sempre fico pensando o que vai acontecer com meu livro, na primeira vez que eu emprestei uma garota roubou meu livro, pelo menos a pessoa que pediu emprestado pagou. Só empresto para quem tenho certeza que vai cuidar.

    Beijos,
    http://asasliteraria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. ODEIO emprestar qualquer coisa com todas as minhas forças, mas ainda empresto. Primeiro porque é sempre bom compartilhar, pra daí poder comentar com a pessoa depois, mas já tive e continuo tendo péssimas experiências porque as pessoas não estão preocupadas com o seu livro/CD/DVD, elas nem têm cuidado com o que é delas, quanto mais com o que é dos outros! "E pra aqueles que um dia estragaram meus livros ou nunca mais devolveram vai ser difícil em tirá-los da minha lista negra." Exatamente! Eu fico com pena de ser mauzinho e não emprestar e tal, mas ultimamente tenho pensado que é melhor ser chato e parecer egoísta do que ver aquilo que você cuida ser destruído por outras pessoas que no fundo não ligam mesmo. Emprestar é bom, quando você sabe que a pessoa vai cuidar muito bem do livro.

    ResponderExcluir
  12. oie Naty
    eu já tive várias decepções com empréstimos. Duas amigas minhas nunca mais me devolveram os livros.
    Outra amassou a capa inteira, e atualmente só tenho emprestado para uma outra blogueira que mora pertinho de mim, e eu sei que ela tem cuidado tmb.
    Fora isso estou começando a treinar minha cara de péroba para negar quem pedir emprestado shauhsuahs
    bjos

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Vou ser sincera... não gosto de emprestar meus livros. Ciúmes, possessão... é, posso ser paranoica, mas o cuidado que tenho com eles sei que os outros não terão. E ainda tem o fato deles simplesmente esquecerem de devolver, como você bem frisou. Eu até empresto, sério, mas só se a pessoa for realmente próxima e eu confiar de fato, porque do contrário...
    Uma vez emprestei a uma prima e o livro chegou todo amassado. :\ É trauma. ahauahaua

    Um abraço!
    http://universoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi,Naty!
    O tema é ótimo,mas é delicado.Eu emprestava,nunca fiquei tão feliz como você quando alguém me pedia ,mas acabava emprestando.Até que um dia , emprestei o Mundo de Sofia, um dos livros que mais amo...a pessoa pediu p fazer trabalho devolveu muito tempo depois com algumas folhas fazendo orelha e com a lateral ralada . Pensei: Não é o meu livro,mas o pior q era. Eu não reclamei com a pessoa ,pois fiquei tão sentida...Enfim, já teve uma vez que emprestei e a pessoa leu e emprestou p a outra e demorou séculos para devolver e por ai vai. Pode me chamar de egoísta,mas não empresto mais.
    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Eu estou pensando seriamente em não emprestar mais livros para ninguém. Sempre que o meu livro volta, ele volta estragado de alguma forma :(
    Só a minha mãe que é uma exceção, eu sempre estou de olho e ela sabe que se estraga algum vai ter que me dar outro u.u
    Mas para os amigos ou outros parentes eu não tenho cara pra pedir um livro novo :s
    É uma pergunta bem difícil, principalmente para amantes da leitura com coração mole... Você sempre vai querer que as pessoas conheçam seus livros!

    Beijos
    Geê - almaleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Isso é complicado viu =T
    Tem gente que não dá valor, emprestei um livro uma vez, que saiu rodando na mão dum monte de gente e voltou todo esculhambado ¬¬
    Mas eu empresto, dependendo do livro heheh

    Beijooo

    ResponderExcluir
  17. eu emprestei livros para o meu namorado e estou quase morrendo de preocupação com os meus livros T.T

    ResponderExcluir

Terminou de ler o post? Aproveita para deixar seu comentário, é rapidinho! Os comentários são moderados portanto é necessário aguardar para que ele aparece por aqui. Obrigada!

Copyright © 2015 Just Books | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo