15 abril 2013

Resenha: O Eterno Barnes - Salustiano Souza

O Eterno Barnes
Título Original: O Eterno Barnes
Autor: Salustiano Luiz de Souza
Editora: Novo Século

Sinopse: Doutor Barnes, um famoso neurocirurgião, começa a desenvolver na Universidade onde trabalha uma pesquisa científica tentando transformar os dados do cérebro em arquivos de dados, codificando-os de modo que possam ser copiados. Com o avanço da pesquisa, acaba conseguindo copiar para o computador todos os dados de memória que formam o ser humano, como suas experiências, suas emoções, suas recordações, enfim, sua vida. Deslumbrado com a descoberta, começa a perceber que estes arquivos possuem uma estrutura totalmente diferente e uma sinfonia divina, e começa a ficar obcecado pela ideia de que seja possível copiar cérebros de um paciente para outro. Ao contrário do que deveria ocorrer, Barnes, cada vez mais, esconde suas pesquisas, pois seu objetivo passa a ser implantar seu próprio cérebro em outro paciente, mais jovem e sadio, pois está acometido de uma séria doença. Busca, desta forma, alcançar a tão almejada eternidade. Para isto, não mede as consequências de seus atos, que passam a ser justificados pela ambição que lhe domina. Conseguirá Barnes o seu intento?

Resenha: Assim que li a sinopse de O Eterno Barnes senti curiosidade de saber mais sobre o livro. Será que o Doutor Barnes conseguiria mesmo transformar o cérebro em um simples arquivo de dados? Ele realmente conseguiria se eternizar passando seu cérebro para uma outra pessoa mais jovem? Essas foram as principais mas não as únicas perguntas respondidas ao longo da trama.

A história me prendeu desde o início, me vi passando as páginas avidamente querendo saber qual seria o desfecho daquela história. Os personagens são bem construídos e elaborados, mas senti que alguns deles poderiam ter sido melhor trabalhados e mais presentes.

A narrativa é bem envolvente, todos os personagens são cheios de perguntas e divagações e podemos acompanhar os pensamentos de todos eles de forma a entender todos os acontecimentos. Não há muitos diálogos, o que senti falta, mas de forma alguma prejudicou a história já que a mesma é bem ágil e transcorre rapidamente. O livro possui diversas referências a músicas, poemas e algumas pessoas importantes o que geralmente é uma coisa que aprecio, mas achei que havia referências demais nesse livro.

O rumo que a história tomou me surpreendeu, não era o que eu esperava que fosse acontecer mas mesmo assim conseguir gostar. Não dá pra negar que o livro nos faz levantar algumas perguntas e reflexões, o autor soube introduzi-las muito bem no livro. O final deixou um pouco a desejar, mas o livro como um todo vale muito a pena de ser lido, recomendo.

13 comentários:

  1. Oi Nati,
    Na verdade eu não gosto muito desse tipo de assunto,mais só de ler a sinopse fiquei louca pra ler o livro,lendo sua resenha então,quem sabe depois' :)

    ResponderExcluir
  2. Oi Naty!

    Apesar da sua resenha positiva, confesso que não fiquei empolgada com a leitura, isso pra não dizer que achei a capa muito feia, rsrsrs. Acredito que estou num outro momento de leitura, mais voltado para romances.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Naty
    Não fiquei muito empolgada não com a sinopse deste livro,confesso que este tipo de literatura me da sono,mas quem sabe um dia...
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi, Naty!
    Eu fiquei curiosa com o livro, achei a sinopse interessante e parecida com alguma coisa.... Que não consigo lembrar! Não é só um dejà vu, tenho quase certeza que vi algo do gênero em algum lugar :s

    Eu gosto de diálogos, então ter poucos já me distanciou um pouquinho do livro. E um final a desejar não é exatamente o que eu estou procurando no momento. E as referências que são demais?! Acho que, como a Viviane aqui em cima, também não estou na fase pra esse tipo de livro.

    Beijo :*
    Gih

    ResponderExcluir
  5. A premissa do livro não me atraiu, apesar da resenha positiva.
    Prefiro policiais, romances, sobrenaturais... :D
    Também sou daquelas que julga o livro pela capa, e essa é bem sem gracinha né? rsrsrs

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li nada do autor, nem sei se ele tem mais que apenas esse livro mas sua resenha me fez querer saber o que e como acontece a história. Deve ser bem envolvente *-*
    beijoss
    http://sublimar-me.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Confesso que esperava um pouco mais do livro, mas lendo a sua resenha vejo que não é tudo isso que achei logo de cara, mas mesmo assim estou curiosa para conhecer, se eu tiver a oportunidade não deixarei passar e vou procurar por alguma promoção, vai que... haha

    ResponderExcluir
  8. Oi, Nati!
    Já li algumas resenhas do livro e não tinha me interessado por ele. Com a sua resenha estou pensando em dar uma chance ao livro, por conta de você ter falado que a história te prendeu desde o início; então deve ser mesmo envolvente!

    ResponderExcluir
  9. Primeira vez que vejo esse livro, mas pela sinopse não me interessei não.
    Não é o tipo de livro que costumo ler.

    ResponderExcluir
  10. Adoro esses livros com estórias inéditas, pois assim consigo me prender ainda mais na estória, sem saber o que realmente pode acontecer!
    Me parece um ótimo livro e também fiquei curiosa como você hahha!

    ResponderExcluir
  11. gostei muito do atóh que o autor teve para doar o livro guando
    a pag do facebook chegar a 100
    muito boom gostei disso
    beijos naty''

    ResponderExcluir
  12. Sei lá, acho que esse livro não me cativou.
    A sua resenha ficou ótima, mas acho que não foi suficiente para me fascinar e correr para ler o livro. Seria a temática? É, provavelmente.
    Beijos e abraços!
    Até a próxima.

    ResponderExcluir
  13. A resenha ficou mt boa, eu particularmente não gosto muito desse gênero, mas a premissa parece boa. Acho que até leria o livro, mas não é algo que me chama muito atenção. Bjs

    ResponderExcluir

Terminou de ler o post? Aproveita para deixar seu comentário, é rapidinho! Os comentários são moderados portanto é necessário aguardar para que ele aparece por aqui. Obrigada!

Copyright © 2015 Just Books | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo