22 setembro 2013

Resenha: O Diário de Anne Frank - Otto H. Frank e Mirjam Pressler


Título Original: Das Tagebuch der Anne Frank
Autor: Otto Frank e Mirjam Pressler
Editora: Galera Record

Sinopse: 12 de junho de 1942 - 1° de agosto de 1944. Ao longo deste período, a jovem Anne Frank escreveu em seu diário toda a tensão que a família Frank sofreu durante a Segunda Guerra Mundial. Ao fim de muitos dias de silêncio e medo aterrorizante, eles foram descobertos pelos nazistas e deportados para campos de concentração. Anne inicialmente seguiu para Auschwitz e mais tarde para Bergen-Belsen."

Resenha: Particularmente adoro ler relatos sobre a 2ª Guerra Mundial, sejam eles ficcionais ou reais; acho que todos eles sempre trazem incríveis reflexões e O Diário de Anne Frank não foi diferente.

É no ano de 1942 que Anne e sua família se mudam para o Anexo Secreto logo após o início da perseguição nazista aos judeus. Eles se escondem com a ajuda de amigos e permanecem lá junto com a família Van Daan e Sr. Dusser. Logo que chega lá Anne decide escrever em seu diário e manter ali registrado tudo o que acontece no Anexo. No início o objetivo era apenas colocar para fora tudo aquilo que estava sentindo mas ela começou a ver seu diário como uma forma de poder vir a mostrar as pessoas futuramente como era a vida de judeus que permaneceram escondidos - ou pelo menos o daquelas pessoas.

É incrível o quanto me senti próxima de Anne enquanto lia o livro, tornei-me uma confidente, lendo todos os seus segredos e conhecendo-a um pouco mais. É notável o quanto Anne amadurece durante os dois anos que permanece no Anexo e ela própria percebe e demostra isso nas páginas de seu diário. 

Anne Frank é uma garota de apenas 13 anos que nos conta todos os seus anseios, seus medos e suas esperanças vividas em meio a atrocidade que foi a Segunda Guerra Mundial. É aquele tipo de livro que você lê e quando termina simplesmente começa a enxergar as coisas de um modo diferente. É um livro com grandes reflexões sobre a vida. É difícil virar a última página do livro e não ter vontade de chorar. Chorar por Anne, uma garota tão cheia de coragem e fé, não ter sobrevivido depois de tudo o que passou. Chorar por todas aquelas pessoas que você conheceu durante a leitura e que não sobreviveram. Chorar por todos os judeus que sofreram e morreram pelo simples fato de serem judeus. Acredito que todos deveriam dar uma chance a esse livro e conhecer um pouco sobre a vida de Anne Frank e a sensibilidade com que ela narra todos os acontecimentos. Só consigo me arrepender de não ter lido esse livro antes.


23 comentários:

  1. Eu quero ler este livro há um bom tempo, mas até agora não tive a oportunidade. É realmente uma história incrível que deveria ser lida por todos.
    Eu não curto tantos relatos da guerra, simplesmente porque me deixam MUITO mal. Mas é importante saber e refletir a respeito. A ignorância nunca fez bem a ninguém e também não ajuda na nossa evolução como humanidade.
    Espero ler em breve!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi! ^^
    Bom, acho que não tem ninguém que ainda não ouviu falar desse livro, mas mesmo sendo muito famoso tem várias pessoas que não leram e eu sou uma delas.
    Gosto de ler sobre a segunda guerra, mas imagino que o livro deva ser um tanto triste. Quando estiver no momento pretendo ler! :)

    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oum naty, esse livro é o um dos que eu mais quero ler e que sempre acabo passando outras coisas à frente. Eu morro de curiosidade e sempre que vejo alguém falando me mortifico por não te-lo lido ainda! Adorei a resenha e agora mais do que nunca quero saber como era Anne e os seus anseios!

    ResponderExcluir
  4. Linda resenha, Naty. Eu quero ler esse livro um dia. Já assisti ao filme e fiquei um pouco decepcionado. Eu esperava mais. Faltou emoção em vários momentos.
    Beijos!!!
    Parabéns!

    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Natália, esse livro é marcante, inesquecível! Leitura obrigatória... Adorei a resenha!

    Abraços, Isabela.
    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  6. Nossa amiga que resenha fantástica!Conheço várias pessoas que querem ler esse livro mas tem medo de não gostar. Mas depois de como tu mostrou o quanto essa história é especial eu vou falar pra eles lerem sem medo! hahaha Amei a resenha! ♥
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Nossa, várias amigas minhas me falam muito bem deste livro! Ainda lerei ele.

    http://www.thecrazypotter.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Naty
    Este livro é realmente emocionante lembro de quando eu li ,olha que já faz um tempo,eu chorei tanto ,com certeza este livro marca a nossa vida , leitura obrigatória.
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oie Naty
    Comprei a edição de bolso, e não vejo a hora de ler. Também amo relatos que se passam durante a 2° guerra mundial, e creio que este seja bem impactante, por ter sido real.
    bjos

    ResponderExcluir
  10. Também gosto bastante de relatos de épocas importantes para história. Seja Segunda Guerra Mundial, ou qualquer outro. Eu considero O Diário de Anne Frank um dos meus livros favoritos e como você disse, me arrependo de não ter lido antes.

    ResponderExcluir
  11. Há tempos quero ler esse livro. Sou também uma apaixonada por relatos da Segunda Guerra Mudial, um dos meus livros favoritos por sinal é A menina que roubava livros, que expõe a guerra um pouco distante, ao contrário de O diário de Anne Frank que trás relatos reais e bem próximos do que eles viveram. Eu preciso ler esse livro, ainda mais depois dessa resenha fantástica.
    Beijos


    http://literatura-aocontrario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Eu adoro essa história e li há muito tempo atrás. É tocante, triste e nos faz pensar bastante. Também gosto de livros ambientados durante a 2º Guerra Mundial. Já leu Olga? É ótimo também.
    Ótima resenha Naty.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu acho... que... você soltou um spoiler :O
    Ela morre no final ? :(
    Fiquei curiosa para conhecer a história da Anne já que adoro histórias verídicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não chega a ser um spoiler, Rossana. Na sinopse mesmo já fala que ela morre :( Leia sim, porque é muito bom!

      Excluir
  14. Eu também adoro ler relatos sobre a 2ª guerra mundial.
    Esse é um dos motivos que me faz querer ler o livro, e ainda imaginar que uma garotinha de apenas 13 anos o escreveu... deve ser um maravilhoso livro.

    ResponderExcluir
  15. Oi Natália, faz muitos anos que li este livro, ainda estava no início da adolescência. Lembro que me emocionei muito com ele.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Tenho uma enorme curiosidade em ler esse livro, saber das histórias por alto sempre me deixa curiosa, sua resenha me deixou com muita vontade de ler o livro! Fico imaginando o sofrimento daquelas pessoas, o livro deve muito emocionante!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Oi Natália!
    Linda sua resenha, passa a essência do livro, a emoção e a reflexão que ele proporciona. Parabéns!
    Sem dúvida esse livro é um ícone da literatura mundial. Impossível não se envolver, se emocionar, chorar, pensar, refletir, se emocionar outra vez.
    É um daqueles livros que a gente termina de ler e ele fica conosco.
    Comovente.
    Bjs


    ResponderExcluir
  18. Tenho vontade de ler esse livro há muito tempo, também adoro relatos sobre a segunda guerra e esse deve ser sensacional.

    ResponderExcluir
  19. Oi, Naty! Também gosto muito de ler qualquer coisa relacionado a 2ª guerra mundial. É um tema que me chama muito a atenção. O Diário de Anne Frank já está na minha lista de leitura há muito tempo, mas ainda não consegui comprar por conta do preço. :/

    ResponderExcluir
  20. O livro é marcante e tocante. As palavras dela são impactantes de tão inteligentes. Conseguem transmitir o que ela sente. Quero ler ele um dia. E parabéns pela resenha!
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Me decepcionei taaaaanto com esse livro! Pra mim a leitura foi tão cansativa e arrastada, talvez tenha lido na hora errada e não esteja preparada pra uma leitura dessas! Mas é fato, que fiquei triste por ter lido e n]ao gostado! :/

    beijos
    http://bloglostinwords.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi Natália! Estava procurando sobre um livro no google e apareceu seu blog. Por acaso vi essa resenha e como acabei de escrever uma do mesmo livro, fiquei curiosa para saber o que vc tinha achado! Parabéns, ficou muito boa a resenha! Gostei muito do seu blog.
    Abraços,
    Samara - www.infinitos.livros.com

    ResponderExcluir

Terminou de ler o post? Aproveita para deixar seu comentário, é rapidinho! Os comentários são moderados portanto é necessário aguardar para que ele aparece por aqui. Obrigada!

Copyright © 2015 Just Books | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo