07 março 2014

Resenha: Quem é Você, Alasca? - John Green


Título Original: Looking for Alaska
Autor: John Green
Editora: Martins Fontes

Sinopse: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras que, cansado de sua vidinha pacata e sem graça em casa, vai estudar num colégio interno à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young, uma garota inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, que o levará para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez".

Resenha: Fascinado por últimas palavras e motivado pelo que Françõis Rabelais disse antes de morrer sobre ir em busca de um "Grande Talvez" Miles está decidido a estudar num colégio interno, o mesmo que seu pai estudou anteriormente. Lá divide o quarto com Chip, o Coronel, que logo o apelida de Gordo por conta de sua magreza. É logo no primeiro dia que ele conhece a Alasca por quem logo se vê fascinado. Alasca é uma garota impulsiva e independente, cheias de mistérios. 

O livro segue aquele mesmo tom leve e divertido característico da narrativa de John Green. Até agora o autor me conquistou completamente apenas com A Culpa é das Estrelas. Fui ler Quem é Você, Alasca? com grandes expectativas já que sempre via comentários positivos sobre o livro só que não achei tudo isso. É bom? Sim, com certeza. Mas os personagens não conseguiram me conquistar e a história em si não me agradou tanto.

Alasca é uma personagem que não me agrada em nada. Me lembrou muito a protagonista de outro livro do autor (Cidades de Papel) só que Alasca tem um pouco mais de fundamento em ser como é. Até consegui me afeiçoar um pouco a Miles e ao Coronel que na segunda parte do livro demostram uma amizade valiosa que foi um ponto positivo.

A história contém várias cenas divertidas e bem elaboradas mesclando com pontos levemente dramáticos. Certamente John Green merece crédito pela trama bem estruturada além dos bons questionamentos para se refletir. 

De toda a história o que mais me agradou foi o final, especialmente as últimas palavras ditas por Miles que praticamente me fizeram reavaliar toda a minha opinião sobre o livro. Talvez as minhas altas expectativas tenham atrapalhado um pouco ou talvez essa história simplesmente não seja pra mim. 

22 comentários:

  1. Dos livros do John Green, eu só li A Culpa é das Estrelas. Gostei da história, mas não achei tão espetacular como eu pensava. O enredo desse livro que você resenhou, também não me despertou tanto interesse. Quero ler Cidades de Papel, em breve.

    Beijos!
    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Quem é você Alasca? é o meu favorito do John <3 Bom, a resenha está ótima Naty. :D

    ResponderExcluir
  3. Oi Naty
    Eu tenho este livro aqui mais ainda não li, tenho muita vontade de ler por conta de tantos comentários positivos agora estou um pouco desanimada vou deixar mais pra frente aí eu me animo mais.

    bjs

    ResponderExcluir
  4. Já faz muito tempo que eu estou afim de ler esse livro, acho que vou adorar.
    Eu prefiro a outra capa do livro, não sou muito fã dessa aí não.

    Beijos, www.rayramii.com

    ResponderExcluir
  5. Oie Nat
    Alaska e Margo realmente tem muito em comum, apesar de preferir mil vezes a primeira.
    Eu li esse antes de Cidades de Papel, então gostei muito mais desse.
    Fora que chorei compulsivamente no final, e em CDP eu não curti muito o desfecho.
    bjo
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Natália,

    Pois é. Não sei ainda se gostei ou não de Quem é você, Alasca? pelo simples fato de eu ter a sensação de "mais do mesmo". Me senti relendo Cidades de Papel em vááários momentos (e, se você ainda não leu O Teorema Katherine, prepare-se para uma fórmula de enredo bem parecida). Enfim, o livro é bem escrito, leve, com uma narrativa envolvente até certo ponto. Caso você se interesse, eu também fiz uma resenha no Páginas e Letras explicando mais um pouquinho.
    Adoro o seu blog e sinto falta do seu canal. Sempre acompanhava. O que aconteceu?

    Abraços,

    Marília - Páginas e Letras (www.paginaseletras.com.br)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marília!

      Certamente passarei lá no teu blog para conferir a resenha. Em relação ao canal eu decidi parar com os vídeos - inclusive excluí o canal do blog - por motivos pessoais. Infelizmente não sei se voltarei a gravá-los. Obrigada pelo comentário <3

      Beijo,
      Naty.

      Excluir
  7. Oi, Natália!
    Ainda não tive oportunidade de ler nada do John Green, mas quero muito. Quem é você, Alasca? era um dos que mais instigava minha curiosidade. O problema disso, como você disse, são as altas expectativas. =/
    Sobre o final: um bom desfecho é capaz até de "salvar" o resto do livro. A recíproca é verdadeira pra mim, um final ruim acaba com toda a imagem positiva que eu tinha hahaha! =P
    Espero poder ler John Green em breve!
    Beijos,
    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  8. Eu dei esse livro de presente para minha prima, mas já com segundas intenções porque também quero ler! Do John Green eu li ACEDE e comecei Cidades de Papel, também li o conto dele em Deixe a Neve Cair. O cara tá com tudo!

    ResponderExcluir
  9. Amei a culpa é das estrelas gostei bastante do teorema Katherine e Quem é você, Alasca? Ficou entre os dois livros no quesito gostei. Amo as histórias de John Green acho os enredos bem elaborados e os livros com um nível de humor delicioso. Enfim, gostei muito do livro, me arrancou lágrimas e muitos sorrisos. Meu próximo será Cidades de papel e espero gostar mais do que você nathy! ^^ :D

    ResponderExcluir
  10. Oi Naty,
    Acabei de terminar Quem é você, Alasca? mas acho que consegui me encantar mais com o livro que você.
    A história da Alasca fez com que eu ignorasse seus momentos de rebeldia, grosseria e drama e me pegasse apenas com dó dela. Acho que para quem passou pelo que ela passou, foi uma personagem que me conquistou.
    Gosto bastante da amizade que o Coronel e o Gordo constroem, assim como você, na segunda parte do livro. Acredito que nesse momento, devido às circunstancias, eles se tornem mais forte. Não pude deixar de me emocionar...
    Enfim, acho que sou meio sentimental e como é caracteristico do Green misturar sentimentalismo com uma pitada de sarcasmo, me encantei totalmente pela obra.
    Não li Cidades de Papel, então não posso dizer se a Alasca se parece com a protagonista, mas realmente gostei de todo o enredo e como foi desenvolvido o livro.
    E sem duvidas, as palavras finais do Miles <333 Ah, elas acabaram comigo! rs

    Beijos,
    Ká Andrade
    http://teens-books.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ah, sim... Então... Esse livro... rs.
    Bom, eu gosto muito do Tio João Verde, não é o melhor escritor do mundo mas gosto bastante. já li a Culpa é das estrelas e O Teorema Katherine (que é muito legal e recomendo). Mas eu ainda não li esse, eu ganhei de natal de um amigo meu (nessa capa preta) mas ainda nem comecei. Eu quero ler, mas quando pego eu desanimo, não sei o motivo. Acontece a mesma coisa com Cidades de papel, acho que to numa ressaca, entende? rs. E por isso não tenho nem como dar pitaco sobre o livro, fazer o que?! Assim que eu ler, eu volto e digo o que achei.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Sempre dou uma olhada nas suas resenhas pra saber quais livros comprar na próxima visita à livraria. Amei ACEDE, mas foi o único do Green que eu li. Espero ler esse, as vezes a expectativa atrapalha mesmo, mas é sempre bom dar uma chance aos livros, certo?
    Beijos Naty!

    ResponderExcluir
  13. John Green é um dos meus autores preferidos , simplesmente AMO a escrita dele , já li dois dos livros dele , "A culpa é das estrelas" e "O teorema Katherine". Estou doida pra ler "Quem é você , Alasca?", deve ser tão bom quanto os outros dois que eu li.
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  14. Não li ainda esse livro mas quero lê-lo em breve assim que ler a culpa é das estrelas que adiei a leitura para passar toda essa "modinha"
    Quero muito os livros do joão verde rsrs

    ResponderExcluir
  15. Eu só li dois livros do John Green, que foi A Culpa é das Estrelas e O Teorema Katherine. Confesso que me decepcionei com o teorema, mas muitas pessoas me falaram que Quem é você, Alasca? é bem melhor que os outros. A premissa desse livro é ótima e vai ser por ele que vou voltar a ler JG.

    ResponderExcluir
  16. Olá Natália, tudo bem??
    Apesar de ainda não ter lido nenhum dos livros do autor, já tenho o livro adicionado a lista de desejados, devido a tantas resenhas positivas que li sobre este livro. Pois creio que este livro deve ser um leitura super tranquila e leve, adorei sua resenha, pois quando for ler não lerei com GRANDES expectativas para não me decepcionar com o livro.
    Beijocas!!

    ResponderExcluir
  17. Hey, Naty.
    Já li ACEDE do mesmo autor e confesso que não achei tudo isso que o pessoal fala, é um bom livro, sem dúvidas, mas não passa disso. Essa obra que você resenhou me parece interessante, me lembra (um pouco) As vantagens de ser invisível, acho que pelo fato de mostrar uma adolescência menos "fofa" e mais real. Mas não sei se leria.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Já li ACEDE, e por esse motivo, gosto muito do Tio João. Estou em casa com Cidades de Papel e O Teorema Katherine, mas ainda não dei oportunidade a nenhum dos dois. Porém quem é você, Alasca ainda não comprei por falta de verba mesmo. Mas quero ler. Tenho um lema, que só julgo um livro depois que ler. Então não posso fazer isso sem antes ler, mas gostei bastante da sua resenha Nat.

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Acabei de ganhar a culpa é das estrelas e até agora está tudo muito bem. Espero terminar com pontos positivos à comentar e comprar esse o quanto antes. Uma colega me disse que o teorema de katherine não a cativou tanto quando ACEDE mas vou seguir uma lista de ACEDE primeiro, depois quem é você alasca? e depois o teorema de katherine :)
    beijoss
    http://sublimar-me.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Eu não consegui gostar desse livro. Sei lá, a história não me prendeu, não me cativou. Achei fraca, realmente. Esperava mais do autor.
    Acho que é exatamente por causa do que você disse: esperei demais dele e acabei me decepcionando.
    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso Top Comentarista

    ResponderExcluir
  21. Eu ganhei o livro <3
    E agora quero ler em breve, quando li a culpa é das estrelas não achei tudo isso que comentam, então quero ler outras coisas dele para me encantar de verdade =)

    ResponderExcluir

Terminou de ler o post? Aproveita para deixar seu comentário, é rapidinho! Os comentários são moderados portanto é necessário aguardar para que ele aparece por aqui. Obrigada!

Copyright © 2015 Just Books | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo