22 junho 2014

O acúmulo dos livros não lidos

Hoje decidi contar quantos livros não lidos eu tenho. Comecei feliz ao perceber que nas primeiras prateleiras havia poucos livros mas o desânimo foi chegando ao ver que o número era bem maior do que eu esperava. Mais de 70 livros aguardando a vez de serem lidos.


É nesse momento que bate aquela culpa por toda vez entrar na livraria e sair de lá com pelo menos um livro na mão. Por sempre dar um jeito de comprar nas loucas promoções do Submarino com aqueles preços camaradas. Fazendo um cálculo rápido é provável que se eu parasse de comprar livros hoje e me dedicasse avidamente as minhas leituras conseguiria ler quase todos os livros pendentes até o fim do ano. Eu poderia parar de ir em livrarias para não acabar caindo em tentação e resistir as inúmeras promoções que têm por aí. Eu poderia fazer isso. Mas não quero.

Porque eu sei que se me comprometesse a ler todos os livros ficaria com essa meta na cabeça o tempo inteiro e acabaria não aproveitando minhas leituras. Até porque, convenhamos, é fácil terminar a leitura de um infantojuvenil em poucos dias mas não é a mesma coisa ao ler um clássico. Podem ser que as 200 páginas de um livro demorem uma semana para serem absorvidas ou poucos dias. É difícil prever algo assim porque não sei o que aquele livro vai despertar em mim. Ao ler o último livro de uma série, por exemplo, sempre bate uma saudade e consequentemente uma depressão pós-leitura que acarreta em alguns dias sem querer pegar em outro livro. E se eu quisesse terminar mesmo todos os livros esses dias seriam valiosos. E eu prefiro ler com calma. Aproveitar cada leitura de sua devida maneira sem pensar em prazos ou metas.

E eu gosto de comprar livros. Gosto de entrar na livraria e ficar vagando por tempo indeterminado pensando qual dos inúmeros livros que levarei para casa. Gosto de chegar em casa e descobrir que o carteiro passou trazendo novos moradores para minha estante. E por mais que eu dissesse que pararia de comprar livros sei que não demoraria uma semana para surgir uma promoção incrível que não daria para resistir e.... pronto, lá se vai a promessa. Portanto prefiro assim: me controlo o quanto posso mas não nego a mim mesma o prazer de adquirir livros, afinal, isso só não é melhor do que de fato lê-los.

28 comentários:

  1. Eu ando analisando minhas compras literárias assim: é pra completar coleção? é algo que eu vou começar a ler assim que chegar em casa? é algum autor ou autora especial pra mim? é alguma edição especial cheia de firulas? é alguma edição limitada? Se não for nenhum desses casos, não levo, mesmo que a tentação seja grande. Senão, sei que vai ser mais um livro lindo que vai pra pilha e não vai ser lido nunca.

    ResponderExcluir
  2. Me identifiquei muito com o seu texto. Semana fui organizar meus livros na minha nova estante e percebi o quanto eu tenho de livros não lidos. O engraçado que isso não era algo que eu conseguia identificar, para mim eu tinha poucos livros (batendo o olho rapidamente nas prateleiras). Meu objetivo é sempre ter mais livros lidos do que os não, por isso me esforço ao máximo para não comprar nada e não entro no site do Submarino. É um forço grande, mas vale a pena.

    Pode parecer bobo, mas acho triste ter mais livros não lidos do lidos, isso é quase um pecado para mim. hahah

    http://minhafernweh.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Palavras perfeitas! Por isso que parei de contar os meus, ainda mais agora com os e-books! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Nossa, tenho muitos livros "não lidos" nas minhas prateleiras. Mas é impossível, para mim, entrar numa livraria e sair sem, no mínimo, um livro em mãos. É muito bom você encher cada vez mais a prateleira de livros, mas é como você disse: quando você vai ver quantos livros não lidos você tem... bate a tristeza rs
    Beijos,
    Luana Karla - Sector 12 - http://sector-12.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Metade da minha estante é de livros não lidos, psé.
    E eu não consigo resistir a promoções... Só quando a verba está realmente apertada. Por isso estou fazendo o projeto de ler ou doar ou trocar, assim elimino um pouco dos livros.

    Um beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Natália!
    Concordo com você. Suas duas metas que eu não faria: não comprar mais livros e a famosa TBR Jar. Adoro comprar livros, a emoção de ver um livro desejado na estante não tem preço! Jamais me tiraria esse prazer.
    A TBR Jar seria complicado pra mim, porque escolho meus livros pelos gêneros. Minha lista de leituras desejadas é bastante variada, mas leio cada um de acordo com o "clima" da leitura. =D
    Acabei de comprar 10 livros para "ler nas férias", não me arrependo e se voltasse no tempo faria exatamente a mesma coisa. Não tenho tantos livros não lidos quanto você (são 22) mas ainda que tivesse mil, não resistiria a uma promoção! Hahaha.
    Beijos,

    Mari Pacheco
    Livros & Nerds

    ResponderExcluir
  7. Por via das dúvidas acho melhor não contar qntos tenho na fila por aqui rs

    bjos
    Pah
    dicalivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Naty!
    É estranho, mas a sensação da espera de um livro novo que vai chegar, é as vezes igual a sensação da leitura do mesmo. Lá em casa to cheia de livros não lidos, mas apesar de saber que existem zilhões de livros no mundo, o que me assusta um pouco e me freia na hora de ler um atrás do outro é pensar que quanto mais leio menos livros terei pra ler na minha estante, aí tenho de parar e comprar muitos outros rs.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Adorei o seu texto.
    Eu tenho muitos livros não lidos na minha estante, mas não chega nem perto do número que você citou. É realmente difícil de se controlar para não sair comprando livros. Isso sem falar dos livros adquiridos por meio de parcerias com autores e promoções em blogs.
    Eu também acabo acumulando muitos livros não lidos na estante, porque comecei a ler alguns em PDF. Tinha certo preconceito antes, mas já não resisto tanto assim hoje em dia. O fato é que, na faculdade, os professores passam inúmeras apostilas e chega uma hora que o Bolsa-Xerox faz uma falta danada. Então, passei a ler pelo computador e me acostumei. Agora, quando tem um livro que me agrada e eu não tenho dinheiro para comprá-lo imediatamente, vou lá e baixo o PDF.
    Tem também a biblioteca da universidade. Quando eu me canso das leituras densas da faculdade, vou até à biblioteca e procuro um livro mais leve, para ler em poucos dias. Com isso, os meus livros acabam ficando na estante, sem previsão para serem lidos. Acredito que isso acontece com a maioria dos leitores compulsivos.
    Perdão por esse comentário que daria um romance. É que eu me identifiquei com o tema do post.
    rsrsrs
    Beijos!!!

    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá Nat!
    Nossa, eu fiquei muito surpresa... 70 livros é muitaaa coisa! Mas, eu te entendo perfeitamente. Eu já cheguei em um momento também que eu tinha muitoos livros acumulados na estante. A única forma que eu conseguir diminuir a fila, foi me controlando nas próximas compras, é claro, e participando destas maratonas malucas de ler 7 a 10 livros em 15 dias á um mês. Força que você consegue se controlar, e vai diminuir esta pilha sim... beijos!

    ResponderExcluir
  11. Tenho uma pilha de livros para ler também, e concordo com você em tudo hahahaha espero que vc consiga terminar todos os livros que tem para ler ;) bjos

    ResponderExcluir
  12. Olá Natália :) Adorei o post, sério..Me identifiquei tanto ;P hehe'
    Mas 70 livros, haja fôlego .. Concordo totalmente com você: ler com prazos e tudo o mais é muito desanimador, pelo menos pra mim. Sei que você não citou o fato de ler livros obrigatórios em caso de vestibular, mas isso entra muito no que você falou. Esse ano estou tendo que ler apenas esses obrigatórios, e é tão.... triste :x Saber que tenho vários livros lindos e queridos me esperando e ter que passar o ano todo lendo livros que não quero e ainda com um tempo determinado para terminá-los e para conseguir ler todos os necessários. Por isso, viva a liberdade de escolher o livro que der vontade de ler, na hora que quiser, e se quiser ficar dias e dias lendo e saboreando a leitura, porque ninguém merece prazos e pressões para atrapalhar a nossa linda e tranquila atividade preferida ! :D Beijooos

    ResponderExcluir
  13. Oi, Naty!
    Eu não passo muito por essa situação... com livros físicos. Meu Kindle, por outro lado, está tão cheio que mal sei direito o que ler a seguir. Mas essa sensação boa de livro novo em mãos é contínua, rs. Adoro receber correio e fazer compras - apesar de nunca ter comprado nada no Submarino (mas eu sempre vou lá só pra sonhar com os livros mesmo). A maioria dos leitores passa mesmo por isso, então tranquila. Ler com calma e aproveitar cada leitura é o que importa no final ♡
    Beijos...

    ResponderExcluir
  14. Tão eu!! Isso é normal Naty!! Estou assim, final da faculdade não está me deixando ler os livros que comprei e ganhei. Mas vamos conseguir...rsrs Beijos

    ResponderExcluir
  15. Nem me fale, aqui em casa já estão correndo atras de mim toda vez que falo a palavra comprar. Pior que é complicado, as vezes a gente deixa passar e depois é dificílimo achar o livro desejado.

    ResponderExcluir
  16. Oi Natália,
    Tanho alguns bebês que ainda querem ser lidos também =( por causa disso não estou comprando muitos livros, estou resistindo aquelas promoções maravilhosas na Submarino \o/ mas não tenho metas malucas para acabar de ler os meus livros, vou deixar o tempo determinar minha leitura, porque como você disse, cada leitura tem um tempo para ser absorvida.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  17. Nossa, Naty... 70 livros aguardando para serem lidos é muita coisa!
    É melhor ir comprando e lendo para não acumular tanto assim.
    Mas eu também não consigo me controlar muito. Todos os dias esses sites Submarino/Fnac/Saraiva/Extra ficam nos tentando... E com tantos livros desejados... fica difícil resistir. O.o
    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  18. Um tempo atrás comentei em um blog.
    Eu sou bem segura quanto a comprar livros. Quase não compro. E meu motivo é simples, não possuo cartões de créditos - pois já me endividei com eles. E se for comprar é algo que quero muito ler, ou é para completar coleção. Fora isso, não compro livro por impulso. O último que comprei foi mês passado O Lado Bom da Vida..

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog

    ResponderExcluir
  19. Adorei seu blog... E mais se os livros estiverem ai sobrando e ganhando pó, pode mandar pra cá que eu resolvo kkkkkkkkkk
    bjs
    http://gracirocha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. A Mais Pura Verdade , Tipo Você Entra Na Livraria quer sar com um fardo de livros quanto um dublo lhe espera :'( Muito triste

    ResponderExcluir
  21. Todo dia faço essa analise e eu tenho mais de 100 para serem lidos oO e realmente bate aquele sentimento de culpa ,estou resistindo ao máximo para não comprar livros tão cedo...

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/livroaoavesso

    ResponderExcluir
  22. Oi Naty
    Gostei muito do post, eu sou assim tenho tanto livro pra ler mais eu nunca vou parar de comprar eu me sinto tão bem comprando e vou continuar , sou bem controlada e nunca me endividei por causa deles.
    bjs

    ResponderExcluir
  23. Nati, faço minha suas escritas; assino em baixo. tenho que admitir ler e comprar (principalmente este) é um vício maravilhoso; algo que trás tanta paz, felicidade que eu ficaria murcha como uma flor se tirassem de mim, então assino em baixo.....

    Bjsss

    ResponderExcluir
  24. Oi Nati! Acho que esse é um problema que todos os blogueiros e leitores viciados enfrenta. Eu não sei o que acontece comigo. A compulsão é TÃO GRANDE AUHEUAHSUE
    Mas nos últimos meses estou tentando comprar as minhas ''prioridades''. Tipo: preciso comprar esse por ser parte de uma série, então preciso ler logo, antes que eu esqueça da história. rs
    Preciso comprar esse, porque preciso ler antes do filme sair.
    Mais ou menos assim, mesmo assim, o tempo é curto e nunca dá para ler todos os livros não lidos. E sempre tem aquela recaída, aquela vontade de ler aquele livro que não segue ao meu ''sistema de compras'' rsrsrsrs
    Por fim, faço o mesmo que você, tento me controlar, mas também não me nego o prazer de fazer novas aquisições. <3
    Beijos!
    http://viajandonaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Ai, dá até dor no coração.. Eu tenho uns 11 ou 12 não lidos, aff :(

    ResponderExcluir
  26. Sofro do mesmo mal, Naty! Mas atualmente a minha preocupação maior é: e quando os livros os quais você comprou nessas promoções sensacionais já não lhe interessam mais? Eu estou cheia de juvenis que perderam o apelo para mim, mas comprei porque estava na onda. Um exemplo é "Dezesseis Luas", o qual não tenho mais o menor interesse. Creio que nunca tive. Como diz a Ceile, "não era amor, era marketing". E o fato de ter esses livros na estante me incomoda mais do que o fato de eu estar adquirindo novos, mas sei que é uma espécie de ciclo, porque esses livros novos talvez não me interessem mais no futuro. Então... Estou realmente tentando parar de comprá-los, e tentando trocar os que tenho por livros para a minha mãe. Assim eu realmente esvazio um pouco a estante, deixando só os que eu realmente quero ler. E eles são tantos... <3

    ResponderExcluir
  27. eu juro que tento mas nunca consigo parar de comprar mais e mais livros. Acho que é o 'mal' de todo leitor rsrsrs
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Sempre compro mais livros mesmo tendo vários ainda não lidos e muitos deles ainda embalados, em minha estante/prateleira. As vezes acho que vou morrer e ainda vai ficar um fila a minha espera rs mas é inevitável não comprar pelo menos mais um, principalmente quando rola aquela promoção supimpa ♥

    ResponderExcluir

Terminou de ler o post? Aproveita para deixar seu comentário, é rapidinho! Os comentários são moderados portanto é necessário aguardar para que ele aparece por aqui. Obrigada!

Copyright © 2015 Just Books | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo