08 setembro 2014

Resenha: 1984 - George Orwell

Titulo Original: 1984
Autor: George Orwell
Editora: Companhia das Letras

Sinopse: Mil novecentos e oitenta e quatro oferece hoje uma descrição quase realista do vastíssimo sistema de fiscalização em que passaram a assentar as democracias capitalistas. A electrónica permite, pela primeira vez na história da humanidade, reunir nos mesmos instrumentos e nos mesmos gestos o trabalho e a fiscalização exercida sobre o trabalhador. O Big Brother já não é uma figura de estilo – converteu-se numa vulgaridade quotidiana.

Resenha: 1984 é um livro que estava na minha lista de desejados há um bom tempo. Nunca achava o livro para comprar por um preço bom e muito menos alguém que pudesse me emprestar. Felizmente acabei por encontrá-lo na biblioteca da minha escola e não hesitei em pegar para ler.

Wiston Smith é o personagem central da trama e é através dos olhos dele que somos apresentados ao mundo distópico criado por George Orwell. Oceania, Lestásia e Eurásia são os nomes dos três grandes Estados no qual o mundo está dividido. Essas três potências estão em constante guerra, não com o objetivo de vencer, mas sim de manter a dominância. Smith vive na Oceania e descreve com uma riqueza de detalhes perturbadora como é viver a vida sendo constantemente vigiado e controlado pelo partido liderado pelo Grande Irmão. Este é uma figura pública, que pode ou não existir visto que nunca apareceu em público, com um poder de influência gigantesco considerando que é idolatrado e amado por todos.

Wiston não é uma dessas pessoas. Ele é contra a política do Estado e ao mesmo tempo em que busca lutar, internamente, contra todo o controlamento precisa se encaixar para fazer parte da sociedade e não sofrer severas punições. Ele não encontra um modo satisfatório de se rebelar e a medida que a trama se desenvolve percebemos o quão complexo é o sistema. 

Os relacionamentos pessoais são quase inexistentes, as pessoas pouco se importam umas com as outras. As políticas de opressão através da manipulação do pensamento e da alienação da população estão presentes de todas as formas possíveis.

Li o livro num ritmo lento a princípio, tive certa dificuldade em assimilar algumas partes da história e até mesmo de entender melhor sobre as políticas e particularidades citadas, o que me fez reler certos trechos antes de seguir com a leitura, mas a partir da metade até o final o livro me prendeu de uma maneira que foi impossível largar. O desfecho, inclusive, chega a ser desconcertante e não tenho palavras para descrever o quanto mexeu comigo. 

1984 é um livro que possui todas as ditas características de uma distopia. Foi escrita em 1948, no entanto, é possível encaixá-lo no contexto atual de uma maneira perturbadora. O livro é impressionante, chocante e definitivamente um dos melhores clássicos que já li. É uma leitura altamente recomendada!

17 comentários:

  1. Assim, não querendo ser malvada nem nada. Mas esse não é um tipo de livro que EU leria. Sei lá, simplesmente não gosto. Não faz o meu gosto de jeito nenhum, essa coisa de livro de época (sem que seja romance, claro. O único caso que fugiu a isso até hoje foi O Circo da Noite). Mas assim... Quem sabe né?

    ResponderExcluir
  2. Oi Nat!
    Não sei porque, mas este livro não me agradou. É de se contar no dedos as distopias que me agrada! Parece ser um bom livro para quem gosta do gênero.

    Beijos, Vi.
    Blog Minha Velha Estante

    ResponderExcluir
  3. Olá, Naty.
    Muita gente já me recomendou esse livro, inclusive, alguns professores. Confesso que tenho certa resistência em ler essa obra, mas, ao mesmo tempo, sinto curiosidade. Que louco!
    Ótima resenha. Beijos!
    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Esse livro é bem comparável com o Admirável Mundo Novo de Aldous Huxley que li esse ano tbm (tem resenha dele lá no blog se te interessar!). Inclusive Orwell se inspirou no livro de Huxley para escrever o seu 1984. Estou doida pra ler ele há um tempo já! Espero conseguir em breve! :D
    Ótima resenha!
    Samara - www.infinitoslivros.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Natalia, eu também vi esse livro na minha antiga escola mas eu nunca me interessei em lê-lo, não sei se era por causa da capa ou de ser um clássico, sei lá, mas agora eu o vi com outra visão depois da resenha, vou apostar na leitura...^

    Abçs :)

    ResponderExcluir
  6. eis um mundo que eu não gostaria de viver, mas aí lembro que nossa realidade não foge muito dessa distopia...
    É realmente um excelente clássico, de crítica inteligente e por vezes voltei a leitura tbm, ele é um pouco complexo, mas flui de maneira agradável.
    Orwell inteligentíssimo rsrs
    bjs.
    http://torporniilista.blogspot.com.br/2014/09/parceria-autor-deco-rodrigues.html

    ResponderExcluir
  7. Toda vez que eu chego na livraria tenho vontade de comprar esse livro. Na verdade eu tenho vontade de comprar todos e por isso eu sempre acabo saindo com um livro diferente do que eu imaginava inicialmente. Nunca tinha lido uma resenha sobre 1984, mas uma vez, assistindo um seriado uma personagem falou sobre ele dizendo que ele tinha uma visão muito pra frente, sabe? Algo que poderia ser real mesmo que nem fosse no mesmo século. Então eu fiquei mais curiosa para poder comprovar isso com os meus próprios olhos.
    Espero adquirir meu exemplar em breve e tenho certeza que não vou me arrepender (talvez a não ser pela parte de que você falou que no começo a leitura foi um pouco cansativa, mas tudo bem).
    Beijos, Anna
    do http://3vezesl.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Tenho enorme vontade de ler esse livro, mas tenho medo de não curti, tenho que me preparar, pois sei que é livro "um pouco mais dificil", medo de não curtir igual aconteceu com Laranja Mecanica
    http://contodeumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu precisei ler esse livro no ano passado para a faculdade, comprei por 25 reais.
    Mas minha leitura não fluiu nada, o começo se arrasta bastante e o meu erro foi ter desistido ao invés de persistir. Eu assisti ao filme que fizeram só pra conhecer a história mesmo, mas ainda assim é um dos meus objetivos de vida terminar esse livro. Sei que a história é ótima.
    Ah, e o livro não tinha sida lançado em 1948? Tanto que fizeram uma inversão nos dois últimos números: 48 = 84 (1984).

    Beijos,
    Livro de Memórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Renata!

      Espero que quando você voltar a ler possa aproveitar melhor a leitura, é um livro excelente. Obrigada pelo toque sobre a data errada, já corrigi na resenha ;)

      Beijo.

      Excluir
  10. A primeira pessoa que me indicou esse livro foi a minha professora de Portugues, mas nao sei o porquê de ainda nao tê-lo lido... Eu ainda quero muito ler ♡

    ResponderExcluir
  11. Oi Naty,
    Li sobre esse livro no meu livro do curso de inglês e achei bem legal, mas o chato é que era um resuminho que já contava o final :(

    http://mundosdepapel.com

    ResponderExcluir
  12. Oi, Naty!
    O único livro do autor que li foi A revolução dos bichos. Gostei muito da escrita dele e pretendo ler outros, 1984 é um deles.

    ResponderExcluir
  13. 1984 foi um dos livros que o nosso grupo leu para discussão. Chegou na graça de muitos!
    Muito boa a resenha. E sim, George Orwell é uma leitura boa, mas a gente se perde um pouco com algumas referências histórias. É uma leitura muito válida.
    Estou retribuindo a visita. Muito obrigada

    ResponderExcluir
  14. Oi Naty,
    Não sei o motivo, mas não consegui ficar empolgada com esse livro, talvez seja a forma lenta como a leitura se inicia, estou prezando o meu tempo e optando por livros que eu fique apaixonada nas primeiras páginas.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  15. Realmente, este livro já está há um bom tempo na minha lista, tenho certeza que eu vou curtir muito a leitura e o fato de ele ser tão contemporâneo é realmente perturbadora.

    ResponderExcluir
  16. Li a resenha bem por cima, porque quando tenho certeza que vou ler um livro, não gosto de saber do que se trata, prefiro que ele me surpreenda rs Mas estou muito ansiosa para lê-lo, apesar de várias pessoas falarem que não conseguiram engrenar no começo...

    ResponderExcluir

Terminou de ler o post? Aproveita para deixar seu comentário, é rapidinho! Os comentários são moderados portanto é necessário aguardar para que ele aparece por aqui. Obrigada!

Copyright © 2015 Just Books | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo